Conheça 6 profissões em alta em tempos de crise

Compartilhar:
Facebooktwittermail

Sabia que, mesmo em tempos de crise, existem profissões em alta? Isso porque alguns profissionais são fundamentais na hora de superar as dificuldades.

Quando uma pandemia, desastre e grandes tragédias acontecem, além das vítimas diretas, a economia também sofre com as consequências. Porém, uma hora ela precisa se recuperar do tombo, certo?

É o trabalho bem feito de certas profissões que ajuda as empresas e as pessoas a enfrentarem uma crise econômica.

Confira o post para ficar por dentro das oportunidades que surgem nesses períodos difíceis e saber quais áreas ganham destaque!

Crises: oportunidades para mudanças positivas

Por mais que o mundo tente se preparar, ninguém espera enfrentar uma grande crise econômica. Afinal, os prejuízos são inevitáveis e muita gente sai perdendo.

Por outro lado, esse contexto também cria oportunidades. 

Isso porque em tempos difíceis, quando o mais urgente é fazer o negócio sobreviver, as empresas precisam estar abertas às mudanças e dispostas a fazer adaptações à nova realidade.

Reduzir gastos, por exemplo, não é simples, mas funciona como um convite à inovação. Os profissionais precisam usar a criatividade para otimizar o trabalho e fazer mais com menos.

Em muitos casos, isso significa usar sistemas para automatizar tarefas, aumentando a demanda por profissionais da área de tecnologia. 

Algo parecido acontece com as profissões que lidam com finanças, já que as empresas precisam ser socorridas por quem mais entende do assunto. 

Home office

Com a pandemia de coronavírus, até mesmo a dinâmica de trabalho mudou. Além de reduzir o contágio entre os seus colaboradores, o trabalho remoto é uma maneira de o negócio continuar funcionando.

Apesar de muitas empresas brasileiras sempre terem resistido ao home office, ele virou a melhor saída. E o que parece é que essa mudança cultural veio para ficar, pois agora elas estão percebendo as vantagens para economizar custos e aumentar a produtividade.

Só para você ter uma ideia, o home office deve crescer 30% depois da pandemia, de acordo com um estudo da FGV.

Outras mudanças positivas que não poderiam ficar de fora estão ligadas a como a sociedade encara algumas áreas. Além de começar a dar mais valor aos profissionais da área da saúde, as pessoas estão se dando conta da importância de investir em ciência e pesquisa.

6 profissões em alta para você ficar de olho

Veja a seguir quais são as áreas que mais se destacam em tempos de crise:

1. Administração

Como fazer uma empresa continuar funcionando quando a economia está indo por água abaixo? A resposta é: contando com o apoio de um bom administrador.

Embora não dê para fugir de todas as consequências, ter os sistemas, operações e atividades organizadas ajuda a diminuir os impactos negativos. Portanto, a responsabilidade dos profissionais de administração é enorme.

O trabalho deles é garantir que a empresa não seja pega de surpresa. Para isso, os administradores precisam estar atentos ao que acontece no mercado, manter o negócio atualizado e ter uma equipe forte.

Essas atitudes evitam que os problemas virem uma bola de neve e coloquem a empresa em risco.

2. Ciências Contábeis

Pagar as contas, funcionários, impostos e taxas é apenas uma das funções do contador. Portanto, a profissão não se resume a essas atividades operacionais.

Já que o contador é quem acompanha de perto todas as contas, ele consegue fazer uma boa análise e ajudar a negócio a seguir os melhores caminhos. Mas como assim?

Na hora de tomar as decisões mais importantes, os líderes das empresas precisam de informações reais sobre como anda o orçamento. E quem dá essas informações é o profissional da contabilidade.

Em épocas de crise, isso é ainda mais importante, pois um passo errado pode colocar tudo a perder.

3. Direito

Outra das profissões em alta nos períodos em que a economia fica de cabeça para baixo é o advogado.

Isso porque várias situações de conflito podem aparecer na relação com os funcionários, fornecedores, clientes e até com órgãos do governo. E ninguém quer ter problemas na justiça, muito menos durante uma crise econômica, certo?

Por isso, os advogados são ainda mais procurados para resolver os conflitos e qualquer problema com as leis.

Profissões em alta - Direito

4. Gestão Financeira

Apesar de Gestão Financeira não ser a mesma coisa que Ciências Contábeis, os profissionais dessas duas áreas são parceiros no dia a dia.

Além de cuidar do planejamento financeiro, o gestor é quem ajuda a empresa a captar e aplicar recursos com o objetivo de lucrar cada vez mais.

Quando o orçamento está apertado, como acontece nas crises econômicas, o gestor financeiro é quem vai identificar as maiores despesas para ver quais gastos podem ser cortados e onde é possível investir.

5. Logística

O técnico em Logística é quem cuida dos estoques, transporte e entrega de mercadorias assim como de vários processos dentro das empresas. Afinal, a logística está presente em todas as atividades.

Mais do que ajudar o negócio a funcionar de forma organizada, esse profissional trabalha para acelerar os processos, diminuir custos e aumentar a produtividade.

Como você deve imaginar, em períodos em que é necessário economizar o máximo possível, a preocupação com a Logística costuma ser ainda maior.

Se o trabalho for bem feito, a empresa pode ser capaz de continuar funcionando e diminuir os prejuízos causados pela crise.

6. Serviço Social

Quando a economia vai mal não são só as organizações que pagam o preço, mas a população também. É para ajudar as pessoas mais vulneráveis que os assistentes sociais existem.

Esses profissionais podem trabalhar em órgãos públicos, ONGs e empresas privadas para acompanhar crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos que precisem de assistências.

Além disso, eles também desenvolvem projetos para oferecer apoio social e psicológico para aqueles não têm recursos.

Saiba aproveitar as melhores oportunidades

Alguma dessas profissões em alta tem a ver com você? 

Por mais que sejam diferentes, os profissionais dessas áreas têm algo em comum: eles precisam de um diploma de graduação para conseguir um emprego.

Se você quer ter uma vida confortável no futuro, comece a pensar sobre a ideia de fazer uma faculdade. 

Com qualificação, as suas chances de conseguir um bom trabalho são bem maiores.

Se você gostou do conteúdo, não deixe de seguir a Fama no Instagram e Facebook para acompanhar outros posts úteis sobre vida profissional!

Compartilhar:
Facebooktwittermail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *