Faculdade Fama Menu
Blog

Aqui, você se liga no Na Prática e coloca suas ideias pra funcionar.

14 de agosto de 2018

Passei em uma faculdade longe de casa! E agora?

Minha faculdade é longe e agora?

 

Estudar e passar no vestibular é uma sensação incrível, não é mesmo? Checar o seu nome na lista de aprovados, comemorar com sua família, amigos, começar a organizar a ida para a Faculdade e fazer a sua matrícula parece uma aventura.  Afinal, a entrada no ensino superior significa ainda, para muitos jovens, ter que deixar a cidade em que vivem para estudar em outra região, ou até em outro estado…

Se você foi aprovado em uma Faculdade longe de casa, primeiro, já quero te parabenizar! O assunto de hoje é exatamente esse: passei em uma faculdade longe de casa! E agora?

Agora é hora de começar a planejar sua vida de universitário em um local diferente. Pode parecer um pouco assustador no início, principalmente para quem nunca deixou sua casa, seus pais e amigos. Se essa é a sua situação, não se preocupe. Separamos para você dicas importantes para estudar morando longe de casa.

O primeiro passo é a Matrícula…

Longe ou perto de casa, você, como qualquer estudante, terá que fazer a matrícula para garantir a vaga na Faculdade. Essa primeira etapa é presencial, pois você deverá levar alguns documentos para validação. Por isso, você deverá viajar para a região em que foi aprovado e prestar atenção em alguns pontos.

Verifique se está com todos os documentos necessários para a matrícula. Esquecer algum documento em qualquer situação já é um pouco desesperador. Mas, quando você não está perto de casa e não consegue buscar em tempo hábil, a situação é ainda mais desconfortável e pode ser evitada ao rever que é preciso levar antes de sair de casa. Aproveite a ida à cidade também para já sondar o local e pensar em bairros interessantes e possíveis lugares para morar.

Agora vamos para a mudança…

Matrícula feita! Mas o trabalho só está começando. Até o início das aulas você precisará organizar a mudança. A principal dificuldade agora é escolher um lugar para morar.

Caso você não tenha condições financeiras de arcar com um aluguel, calma e não se desespere: procure a assistência à permanência estudantil de sua Faculdade. Algumas instituições públicas têm moradias universitárias destinadas justamente a alunos de baixa renda, são locais próprios dentro da Faculdade que abrigam alunos de outros estados. Além disso, as universidades federais e estaduais dão bolsas e auxílios como isenção de pagamento no restaurante estudantil e vale-transporte.

Se você consegue alugar um cantinho e já conhece a cidade ou tem amigos que moram lá, pergunte a eles boas opções de bairros que te atendam e que os alugueis sejam mais em conta para você. Pense em um local que tenha fácil acesso a serviços diários, como supermercados, caixas eletrônicos, padarias, farmácias e restaurantes, afinal você terá que ter mais praticidade no seu dia a dia.

Se você não conhece ninguém na cidade onde irá viver, uma dica importante é participar de grupos de estudantes universitários nas redes sociais. Muitos são destinados exclusivamente ao aluguel de quartos em repúblicas. Assim, você poderá tirar suas dúvidas com pessoas que já moram no local, conhecer outros alunos em situação semelhante e encontrar um cantinho onde você possa descansar.

E a convivência no dia a dia? 

Oba! Se chegou até aqui, você já é um universitário! Tem casa, as aulas já começaram e sua vida parece estar entrando nos eixos. Mas ainda temos mais ponto importante nesse trajeto. Agora você precisa aprender a morar na cidade nova, nesse momento é bom verificar quais são os melhores lugares para comer? Onde sair à noite? Como fazer amigos?

Não precisa se apressar, pois a faculdade também abrirá um leque de alternativas. Além dos amigos que você poderá fazer no ambiente universitário, ele também oferece algumas facilidades, como bibliotecas, museus, festas e cinema. Se o seu dinheiro está acabando a dica é: almoçar no restaurante da Faculdade. Os preços são bem mais em conta do que em qualquer lugar na cidade.

Sua saúde também é importante…

Ao se adaptar à cidade tudo é mais fácil. Você já escolheu os melhores lugares para passear, já sabe onde encontrar aquela comidinha gostosa e barata. Mas, e se algo der errado? Não dá para evitar algumas questões chatas como problemas de saúde.

O que fazer e como agir nessas situações? Calma! Anote essa dica: se você não tiver acesso a um plano de saúde e não conseguir contratar um regional, procure as Unidades Básicas de Saúde da região e as Unidades de Pronto Atendimento (UPA). Ah! Outra dica importante é se consultar no hospital da Faculdade. Muitas instituições públicas têm cursos de Medicina que possuem hospitais próprios. Mas se você estiver estudando na Faculdade particular, não se preocupe a maioria dos bairros têm postos de saúde.

Pronto! Agora que você já sabe todas as dicas, é só arrumar a sua mala e partir para essa nova aventura: a tão sonhada graduação. #PartiuFaculdade

Se você ainda tiver alguma dúvida, deixe aqui nos comentários.

Semana que vem tem mais!

Laysa Godoi

Analista de Marketing na FAMA, especialista em criação de conteúdo. Apaixonada por mídias sociais e pesquisa. Estou sempre atenta às novidades que envolvem a educação do ensino superior.

Comentários